Buscar culpado é uma maneira simples de se desresponsabilizar pelo mundo em que vive, pelos acontecimentos, fatos e resultados obtidos

Paulo Vieira

O único homem que está isento de erros é aquele que não arrisca acertar

Albert Einstein


Conexão

Acreditar sem ver

Aos pensamentos que divagar e, principalmente, às ações que executar, coloque o mais nobre dos sentimentos, o amor

12/11/2021 - 13:00

“Acreditar no que você pode ver e tocar... não é acreditar de verdade. Acreditar no que é invisível... é um triunfo e uma bênção”. A emblemática frase de Abraham Lincoln, 16º presidente dos Estados Unidos, faz total sentido para mim, haja vista que muitos dos nossos sonhos ainda estão por realizar. Podemos (e devemos) criar as imagens daquilo que queremos, projetar as nossas mentes a tais situações, colocarmo-nos na desejada cena e, sobretudo, agirmos corretamente e na velocidade adequada para a conclusão dos nossos objetivos. É preciso sermos gratos a cada passo dado, pois o hoje é agora! Então, que mandemos a dúvida, o medo e a tristeza embora!

A capacidade de nos reinventarmos é aflorada quanto maiores são os desafios a serem enfrentados. “A criatividade nasce da angústia, como o dia nasce da noite escura. É na crise que nascem as invenções, os descobrimentos e as grandes estratégias. Quem supera a crise supera a si mesmo, sem ficar superado”, disse o sábio físico alemão Albert Einstein. Aos pensamentos que divagar e, principalmente, às ações que executar, coloque o mais nobre dos sentimentos, o amor. Ame agora, ame sempre, ame a sua obra, ame-se, ame os outros, ame a vida!

Fé no hoje e esperança no amanhã. Coragem é o princípio da ação. Através da simplicidade busque a harmonia. A vitória está no equilíbrio das forças. Emane boas energias e vibre positivamente. Muitas vezes, a dificuldade camufla a oportunidade. Confie nas próprias convicções, mas não se feche às novidades que venham a somar ao todo.

Melhore a sua metodologia de trabalho. Otimize as suas potencialidades. Valorize aquilo que realmente importa. Olhe a floresta, não dispenda energia somente com aquela árvore que ainda não desabrochou. Acredite, em breve ela estará frondosa! Não se prenda aos pequenos problemas. Siga em frente! Geralmente, os caminhos são longos e duradouros, já os atalhos podem até dar a ilusão da rapidez, mas invariavelmente têm questionável eficácia.

Arrisque, mantenha-se em movimento. Aja com a convicção dos vencedores. Invariavelmente, o sucesso vem logo depois de mais um fracasso. Erre. Remodele. Erre de novo. Reajuste. Mude a rota. Atente-se os detalhes. Persista em evoluir. Se o outro pode, você também pode!

Olhos abertos às oportunidades. Um coração puro abre-se às novas ideias. Pode ser que o seu objetivo seja improvável. Isso não se traduz em impossível. Nossas opções se multiplicam quando temos humildade em rever as nossas fraquezas, visando a dirimir as falhas, sobrepondo-as com os acertos.

Renuncie ao secundário. Foque no imprescindível. Doe-se. Dedique-se. Assim, a sua luz brilhará! “Apenas os que aprenderam o poder da contribuição sincera e altruísta experimentam a mais profunda alegria da vida: a verdadeira realização”, escreveu o californiano Anthony Robbins, escritor e palestrante de renome mundial, responsável pela popularização da Programação Neurolinguística. Gratidão, caridade e amor. Não há vitória sem dor!


Foto:

Marcelo Pardini contato@agromp.com.br

Marcelo Pardini é narrador, poeta, jornalista, pós-graduado em Marketing e leiloeiro rural. Titular da marca Agro MP - A voz do Agronegócio.

38 colunas publicadas